Um levantamento do instituto Paraná Pesquisas divulgado nesta segunda-feira (16/10) mostrou que 50,4% dos pesquisados desaprovam o número de viagens internacionais do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), ante 44,1% que aprovam. O restante, 5,5%, não soube ou não opinou a respeito.

O levantamento ouviu 2.020 eleitores, através de entrevistas pessoais em 26 estados e no Distrito Federal e em 162 municípios brasileiros entre os dias 29 de setembro e 3 de outubro.

O grau de confiança da pesquisa é de 95% para uma margem estimada de erro de 2,2 pontos percentuais para os resultados gerais.

Cirurgia interrompeu viagens

Em 29 de setembro, Lula se submeteu a uma cirurgia no quadril, para aliviar as dores causadas por um quadro de artrose que o incomodam desde a campanha eleitoral, no ano passado, e que se intensificaram muito nos últimos meses.

O procedimento, realizado em um hospital particular em Brasília, o Sírio Libanês, tem deixado Lula fora de compromissos presenciais. Ele vem despachando da residência oficial da Presidência da República, o Palácio da Alvorada, de onde participa de reuniões por videoconferência.

Nesta segunda, o petista recebeu no Alvorada as primeiras autoridades desde a realização do procedimento médico. Ele se reuniu com os ministros Mauro Vieira (Relações Exteriores) e Fernando Haddad (Fazenda), e com o ex-chanceler e assessor da Presidência Celso Amorim, para tratar da repatriação de brasileiros na Faixa de Gaza.

O mandatário estava proibido de receber vistas pela equipe médica até a última sexta-feira (13/10).

Na última agenda internacional, Lula foi a Cuba, onde participou de um encontro de países emergentes, e aos Estados Unidos, para a 78ª Assembleia Geral das Nações Unidas.

Lula retomará a agenda no exterior em novembro, com a ida para a Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas (COP 28), em Dubai.

O evento nos Emirados Árabes Unidos acontecerá entre os dias 30 de novembro e 12 de dezembro. Antes de regressar ao Brasil, Lula visitará a cidade de Berlim, na Alemanha, no dia 4 de dezembro.

Fonte: Metropoles

Check Also

URGENTE: em pesquisa AtlasIntel, Pablo Marçal já ultrapassa Tabata e aparece em terceiro colado em Nunes; veja números

Guilherme Boulos, deputado federal e pré-candidato à Prefeitura de São Paulo pelo PSOL, lidera as …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *