Início » Destaque Coluna » Casal denuncia que foi agredido com facão e tapas por fazendeiro e esposa, em Santa Cruz de Goiás

Casal denuncia que foi agredido com facão e tapas por fazendeiro e esposa, em Santa Cruz de Goiás

Um casal que trabalhava para um fazendeiro diz que foi agredido pelo patrão durante um churrasco em Santa Cruz de Goiás, no sudeste de Goiás. Além de tapas, as vítimas contaram que o homem também batia com a lateral da lâmina de um facão. A esposa dele e um funcionário também teriam participado das agressões. Fotos mostram vários hematomas pelo corpo dos dois.

As vítimas, um homem de 28 anos e a companheira, de 39 anos, procuraram a Polícia Civil e disseram que as agressões aconteceram no domingo (3). Todos estavam em um churrasco, bebendo.

O casal disse que não sabe por qual motivo o fazendeiro começou a agredi-los. A violência durou cerca de 3 horas. No registro de ocorrência, o homem que apanhou disse que o fazendeiro falou que estaria “batizando” o casal.

A esposa do fazendeiro teria dado tapas na funcionária, que era segurada por um terceiro empregado. A vítima contou ainda que teve o cabelo cortado com o facão.

Os dois conseguiram fugir da fazenda e passaram a noite escondidos em uma mata. No dia seguinte, procuraram ajuda em uma unidade de saúde e, em seguida, foram à delegacia. O homem ficou com diversas marcas no peito e nas costas. Já a mulher ficou com um hematoma no olho esquerdo.

O caso foi registrado como ameaça e lesão corporal. As vítimas disseram que estavam morando na cidade há 15 dias. Após as agressões, o casal, que é de Edéia, disse que pretende voltar para a cidade natal.

Veja Também

Prefeitura abre cadastro para castração gratuita de cães e gatos, em Jataí

Em Jataí, donos de cães e gatos agora podem solicitar a castração gratuita dos seus …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *