Comissão da Câmara faz audiência hoje para discutir projeto sobre poliamor

A Comissão de Previdência, Assistência Social, Infância, Adolescência e Família da Câmara vai debater na tarde desta quarta-feira (08), às 16h, um projeto de lei (PL) que pretende proibir o registro de união poliafetiva.

O projeto aguarda votação no colegiado, onde recebeu parecer favorável do relator, deputado federal Filipe Martins (PL-TO).

Entre os convidados está o pastor Silas Malafaia, da Assembleia de Deus Vitória em Cristo, representantes do Instituto Brasileiro de Direito de Família (IBDFAM) e o juiz Pablo Stolze Gagliano.

No texto do projeto, de autoria do deputado federal Vinicius Carvalho (Republicanos-SP), a justificativa usada para a proposta é que “reconhecer a poligamia no Brasil é um atentado que fere de morte a família tradicional, em total contradição com a nossa cultura e valores sociais”.

A audiência pública desta quarta surgiu de um requerimento do deputado Pastor Eurico (PL-PE).

Eurico defende que se esse tipo de relação for equiparado ao casamento ou à união afetiva tradicional, “será necessária uma mudança profunda em todo o arcabouço legal pátrio que traz proteção às famílias”.

Check Also

Saiba em qual situação você fica isento de pagar Imposto de Renda em venda de imóvel

Muitos indivíduos não estão cientes de que, ao vender um bem ou direito, podem estar …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *