Início » Regional » Goiás » Anápolis » Corpo de homem é liberado do IML por engano e enterrado sem a família saber, em Anápolis

Corpo de homem é liberado do IML por engano e enterrado sem a família saber, em Anápolis

O corpo de um homem que morreu após ter o pescoço atingido por um disco de lixadeira foi liberado por engano do Instituto Médico Legal (IML) e enterrado sem a família saber, em Anápolis, a 55 km de Goiânia. Foi feito um registro de ocorrências e a Polícia Científica informou que está tentando repara o erro.

O motorista Marcos Antônio de Souza, de 52 anos, sofreu um acidente na segunda-feira (13) enquanto usava uma lixadeira em casa. O disco se desprendeu da máquina e acertou o pescoço do homem. Ele chegou a ser socorrido e levado ao hospital, mas morreu na quinta-feira (16).

Os familiares foram até o Instituto Médico Legal para fazer a liberação do corpo. Porém, ao chegarem, foram informados que outra pessoa tinha feito o reconhecimento e retirada.

“Enrolaram ela bastante com questão de documentação e na hora de liberar o corpo, disseram que já tinham enterrado meu pai. Falaram que outra pessoa tinha ido lá e reconhecido o corpo. Uma cuidadora de idosos foi lá e reconheceu como sendo de um conhecido dela e levou o corpo”, disse o filho do motorista Marcos Alexandre Souza.

A Polícia Científica lamentou o ocorrido e disse que está tentando reparar o erro cometido, viabilizando a exumação do corpo e a entrega à família o quanto antes. O Poder Judiciário, Ministério Público e Defensoria Pública foram notificados para que sejam feitos os procedimentos legais necessários.

Além disso, está apurando internamente os fatos e, se confirmado uma transgressão, os servidores envolvidos serão responsabilizados.

Fonte:G1

Veja Também

Prefeitura abre cadastro para castração gratuita de cães e gatos, em Jataí

Em Jataí, donos de cães e gatos agora podem solicitar a castração gratuita dos seus …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *