Descubra se há ‘dinheiro esquecido’ no Banco Central: veja como verificar e recuperar quantia

O Banco Central divulgou que ainda existem R$ 7,5 bilhões à disposição dos brasileiros para resgate no Sistema de Valores a Receber.

Já ocorreu o saque por parte de mais de 16 milhões de indivíduos que recuperaram fundos esquecidos em bancos e instituições financeiras.

O Sistema de Valores a Receber possibilita que tanto pessoas físicas quanto jurídicas verifiquem se possuem recursos esquecidos em bancos ou outras entidades do sistema financeiro.

Consultar os valores de:

  • Contas corrente ou poupança encerradas com saldo disponível;
  • Tarifas cobradas indevidamente;
  • Parcelas ou obrigações relativas a operações de crédito cobradas indevidamente;
  • Cotas de capital e rateio de sobras líquidas de beneficiários de cooperativas de crédito;
  • Recursos não procurados de grupos de consórcio encerrados;
  • Contas de pagamento pré-paga e pós-paga encerradas com saldo disponível;
  • Contas de registro mantidas por corretoras e distribuidoras encerradas com saldo disponível;
  • Outros recursos disponíveis nas instituições para devolução.

Como fazer a consulta?

É possível consultar se você tem valores a receber pela página do BC. Acesse o site oficial, informe seu CPF e data de nascimento e clique em “consultar”.

Passo a passo de como sacar o dinheiro

Passo 1

Acesse o site valoresareceber.bcb.gov.br na data e no período de saque informado na primeira consulta. Caso tenha esquecido qual era o dia, é possível voltar ao sistema na repescagem.

Passo 2

Faça login com a conta gov.br (nível prata ou ouro). O resgate é autorizado para quem tem conta acima do nível bronze.

Se você ainda não tiver conta bronze, faça logo o cadastro ou aumente o nível de segurança no site ou no aplicativo gov.br.

A orientação do BC é não deixar para criar a conta e/ou ajustar o nível no dia de agendar o resgate.

Passo 3

Leia e aceite o termo de responsabilidade.

Passo 4

Verifique o dinheiro a receber, a instituição que deve devolver o valor e a origem (tipo) do valor. O sistema poderá fornecer informações adicionais, se for o caso.

Passo 5

Clique em uma das opções indicadas pelo sistema:

“Solicitar por aqui”: para devolução do valor via Pix, em até 12 dias úteis. O usuário deverá escolher uma das chaves Pix, informar os dados pessoais e guardar o número de protocolo, caso precise entrar em contato com a instituição.

“Solicitar via instituição”: voltado para usuários que não têm Pix. Neste caso, será preciso entrar em contato pelo telefone ou e-mail informado para combinar com a instituição a forma de retirada.

Os canais de atendimento da instituição vão aparecer na tela de informações dos valores a receber.

Cuidado com golpes

Atenção é fundamental para evitar cair em golpes: evite clicar em links suspeitos recebidos por e-mail, SMS, WhatsApp ou Telegram, e nunca realize pagamentos para obter acesso a supostos valores.

É importante destacar que nenhuma solicitação de dados pessoais ou senhas será feita para liberar fundos, uma vez que todos os serviços oferecidos pelo Valores a Receber são gratuitos.

Com informações de UOL

Check Also

URGENTE: em pesquisa AtlasIntel, Pablo Marçal já ultrapassa Tabata e aparece em terceiro colado em Nunes; veja números

Guilherme Boulos, deputado federal e pré-candidato à Prefeitura de São Paulo pelo PSOL, lidera as …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *