Em meio à guerra na EBC, produtoras não recebem há quatro meses

Em meio à guerra pelo comando da Empresa Brasileira de Comunicação (EBC), quem sofre são as produtoras independentes.

Algumas delas, responsáveis por programas de linha, que fazem parte da programação diária, estão sem receber há quatro meses.

Os atrasos vêm desde o governo Dilma Rousseff e se arrastam desde o pedido de demissão de Américo Martins, que saiu após desentendimentos com o então ministro da Comunicação Social, Edinho Silva.

A indefinição do comando da EBC no novo governo piorou a situação: nem mesmo o patrocínio ao Rio Content, evento promovido pela associação das produtoras, a ABPITV, em maio, foi honrado.

Fonte: Veja

Check Also

Ronnie Lessa já reduziu pena em 200 dias lendo livros

foto: reprodução Ronnie Lessa, ex-policial militar e suspeito do assassinato da vereadora Marielle Franco e …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *