Início » Notícias » Liderança tucana nega definição da base por Lúcia e sai em defesa de Demóstenes

Liderança tucana nega definição da base por Lúcia e sai em defesa de Demóstenes

Líder do governo na Assembleia Legislativa, o deputado estadual Francisco Oliveira, do PSDB, negou em entrevista que a base aliada já tenha batido o martelo quanto à definição da segunda vaga na disputa ao Senado na chapa governista.

Segundo indica o tucano, ainda não há qualquer consenso entre os nomes de Lúcia Vânia (PSB) e do procurador Demóstenes Torres (PTB). Ávido defensor da presença de todas as siglas na base, Francisco declara seu apoio a Demóstenes e defende que a decisão ainda tenha que ser debatida com calma.

“Demóstenes é um candidato a senador e não tenho informações de que ele seria candidato a qualquer outro cargo. Ele é meu candidato e esta é uma discussão para toda a base aliada”, defendeu.

Durante a entrevista, o líder ainda afirmou que, no momento oportuno, alguém terá que recuar de forma consensual e disse não acreditar em deixas por conta da situação. “Na hora certa alguém vai ter que recuar, redimir e dentro desse contexto ocupar outros espaços e não parecer oportunismo.”

Para o parlamentar, seria “mau-caratismo” se algum dos membros da base que não for escolhido para compor a disputa abandonasse o projeto de governo e caminhasse com a oposição.

Fonte: Jornal Opção

Veja Também

Horóscopo: confira a previsão de hoje (21/7) para o seu signo

Áries (21/03 – 20/04) Sábado gostoso para curtir as delícias da intimidade, planejar mudanças na casa …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *