Início » Destaque Coluna » Operação apreende em Goiás computadores de suspeitos de vender contas falsas na web para atacar juízes do Amazonas

Operação apreende em Goiás computadores de suspeitos de vender contas falsas na web para atacar juízes do Amazonas

Uma operação da Polícia Civil apreendeu computadores, celulares e pen drives, nesta quarta-feira (3), de suspeitos de vender contas falsas na internet que foram usadas para atacar autoridades públicas do Amazonas, entre elas juízes, promotores, deputados e policiais.

A Polícia Civil cumpriu 12 mandados de busca e apreensão em Goiânia e Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital. Ao todo, cinco pessoas que moram nestas cidades goianas são investigadas pelos crimes de calúnia e difamação.

Os nomes dos suspeitos não foram divulgados. Por isso, o g1 não localizou as defesas para se manifestarem sobre o caso.

A operação foi coordenada pelo delegado Eduardo Gomes Júnior. A intenção dos perfis fakes era enfraquecer a ação das autoridades com uma campanha de difamação nas redes sociais.

“Os perfis faziam críticas sem embasamento em postagens oficiais das polícias Civil e Militar, dizendo que operações estavam erradas, por exemplo. Além de dizer que o Judiciário vendia sentenças e envolvia nomes de juízes e promotores”, explicou o delegado Eduardo Gomes.

Os computadores, celulares e pen drives apreendidos serão periciados para ajudar na investigação da polícia do Amazonas. Os cinco suspeitos de criarem os perfis falsos em Goiás prestaram depoimento e foram liberados.

“O objetivo é esclarecer se essas pessoas vendiam os perfis fakes sabendo que seriam usados para crimes cibernéticos ou não”, ressaltou o delegado.

Eduardo Gomes acrescentou que se a polícia identificar algum crime cometido pelos suspeitos em Goiás, eles poderão ser indiciados tanto no Judiciário do Amazonas quanto no Tribunal de Justiça goiano.

Fonte:G1

Veja Também

Morre José Pereira Cardoso, fundador do Biscoitos Pereira

O fundador do Biscoitos Pereira, José Pereira Cardoso, morreu na noite de quinta-feira (11) aos …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.