Início » Destaque Coluna » Pastor é preso suspeito de agredir prefeito de Rio Verde enquanto político aguardava a chegada de Bolsonaro

Pastor é preso suspeito de agredir prefeito de Rio Verde enquanto político aguardava a chegada de Bolsonaro

O pastor Daniel Mesquita Guimarães, de 40 anos, foi preso suspeito de porte irregular de munição e por agredir o prefeito de Rio Verde, Paulo do Vale (UB), enquanto o político aguardava a chegada do presidente Jair Bolsonaro (PL) no aeroporto da cidade. O presidente participou de evento para a entrega de títulos de propriedades rurais na cidade, nesta quarta-feira (20).

A defesa do pastor disse que vai se manifestar somente após a conclusão do autor de prisão.

A Secretaria de Comunicação de Rio Verde informou que o prefeito Paulo do Vale informou à Polícia Civil que vai representar criminalmente contra o suspeito pela agressão. Mesmo sentindo dor na região do peito, o político se sentia bem e cumpriu agenda ao lado do presidente.

Segundo o delegado Luiz Eduardo Silva, o pastor pode responder por porte irregular de munição, vias de fato e por fingir ser funcionário público, com penas que podem passar de 4 anos de prisão.

O suspeito é um pastor conhecido na cidade, segundo o delegado. Para entrar no aeroporto, ele usou uma camisa da Polícia Militar e se passou por um major do Exército Brasileiro.

“Não há dúvida de que houve a agressão. O que vamos investigar agora é a motivação, pode ser política, e como se deu a briga”, contou o delegado.

O boletim de ocorrência narra que policias militares solicitaram que o suspeito se identificasse formalmente e o pastor disse que os documentos estariam em seu veículo.

Quando os militares chegaram ao carro, viram sobre um dos bancos um coldre de pano preto, tendo um carregador de pistola e quatro munições intactas.

Fonte:G1

Veja Também

Foragido condenado por mais de 100 estupros é preso após fuga de presídio

A Polícia Penal recapturou Wanderson Alves Carvalho, condenado por mais de 100 estupros em Goiás. …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.