Lotado: Michelle Bolsonaro reúne 5,5 Mil conservadoras no Rio

No sábado, 25, mais de 5,5 mil pessoas, a maioria mulheres, se reuniram no Rio de Janeiro para presenciar a presença de Michelle Bolsonaro, ex-primeira-dama e presidente Nacional do PL Mulher. De acordo com o Partido Liberal (PL), esse foi o maior público já registrado nas caravanas da ala feminina da legenda, em diferentes estados do país.

A cerimônia, que teve a participação do ex-presidente da República e presidente de honra do partido, Jair Bolsonaro, representou a nomeação da deputada federal Chris Tonietto como líder estadual do PL Mulher no Rio de Janeiro. Além disso, Michelle também foi reconhecida como cidadã do estado do Rio de Janeiro, após aprovação na semana anterior pela Alerj.

A ex-esposa do ex-presidente mencionou o amor que tem pelo Rio de Janeiro, ressaltando que é a cidade favorita de seu marido e também porque sua filha de 13 anos, Laura, nasceu lá.

Michelle, demonstrando familiaridade com o palco, abordou o propósito do PL Mulher: “Nós não queremos competir com os homens; queremos somar”, afirmou. “Homens e mulheres trabalhando juntos para unir e progredir, diferentemente da extrema esquerda, que divide para conquistar.”

Anteriormente ao evento no Rio, a maior quantidade de pessoas presentes havia sido em Santa Catarina. Amália Barros (MT), deputada federal e vice-presidente Nacional do PL Mulher, compartilhou que apenas terão descanso durante a semana do Natal. A parlamentar acompanha Michelle em todas as viagens.

O evento também assinalou a nomeação da deputada federal Chris Tonietto como líder do PL Mulher no estado do Rio de Janeiro. “Que possamos, a cada dia, ser impulsionadas, mobilizando outras pessoas, para conseguirmos resgatar o nosso Brasil”, disse.

Quando assumiu o compromisso com sua nova posição, Chris citou o nome original do Brasil como uma referência. “Conservador é conservar uma cultura cristã por excelência”, disse. “O estado é laico, mas nós temos um povo majoritariamente cristão; não podemos esquecer disso. O nosso nome de batismo é Terra de Santa Cruz.”

Bolsonaro subiu ao palco com Cláudio Castro, Delegado Ramagem e Braga Netto

Bolsonaro encerrou o encontro ao lado do governador do Rio, Cláudio Castro, do ex-chefe da Casa Civil, general Braga Netto, e de alguns deputados federais, incluindo o possível pré-candidato do partido à prefeitura do Rio, Delegado Ramagem.

O ex-presidente brincou que iria falar pouco por determinação da “senhora Michelle”: “Queremos as mulheres na política não por cotas, mas por interesse. Aprendemos (brasileiros) a dar valor à política.”

Bolsonaro mencionou as eleições de 2022 e afirmou não entender “o que aconteceu em outubro do ano passado”: “Se eu sou o ex mais querido do Brasil, não sou ex por causa do povo”, disse. “A grande maioria do povo, está conosco.”

Michelle declarou que estava presente no Rio para promover um grande movimento feminino, demonstrando sua intenção de obter uma resposta positiva nas eleições, enquanto observava uma multidão usando roupas nas cores do Brasil e camisetas do PL Mulher em tons de rosa.

A nova líder do PL Mulher no estado, Chris Tonietto, fez uma crítica sutil à esquerda, sem mencionar nomes: “Nós não temos projeto de poder, temos projeto de país, de nação”, disse.

 

FONTE: https://agoranoticiasbrasil.com.br/

Check Also

Saiba quem é o pastor que fazia ‘unção’ de órgãos genitais e tinha relações com fiéis

Preso preventivamente, o pastor Sinval Ferreira (foto em destaque), 41 anos, é o religioso alvo da …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *